sexta-feira, 4 de junho de 2010

Sobre a santa ceia

0 comentários
Cheguei em casa por volta da meia noite, estava cansado e louco para cair na cama e dormir, mas olhando os meus emails me chamou a atenção o contato de uma irmã, que pediu com urgência uma resposta, decidi postergar um pouco o descanso e tentei escrever uma reposta.


CONTATO LEITORA

"A Paz de Deus, por favor, preciso de uma orientação...tenho uma irmã, que há 17 anos casou-se com um estranha fé...e não desistiu da fé, congrega esporadicamente, pois está fraca...e meu cunhado congrega tmbém, mas ainda não obedeceu, sabemos que Deus tem chamado ele para obedecer pois muitas palavras Deus já deu nesta parte á ele...mas creio que o tempo está perto...agora ultimamente, eles tem passado uma prova de fogo...o inimigo querendo destruir o lar para que as promessas de Deus não se cumpra....tremenda prova mesmo...e minha irmã, está tão fraquinha na fé...entrou em depressão...perdeu as forças de congregar...Deus tem me despertado acerca da Santa ceia,,,está é a dúvida...ela pode tomar?? pois é crente, e faz 17anos que não toma...creio que esta fraquezas profunda é devido ao fato de estar desligada....o que acham::??? vi um ensinamento do PR que lá não se proibe de tomar a ceia...preciso urgente de resposta...nossa ceia é dia 06/06....no aguardo"


MINHA RESPOSTA

Posso até me tentar ajudar e escrever algumas palavras, mas nesta situação, melhor é que você procure o ministério local (cooperador ou ancião) e os indague sobre o assunto, eles podem esclarecer melhor acerca do caso da sua irmã segundo a doutrina da CCB e aquilo que Deus o fizer sentir.

Primeiramente vamos relembrar o que vem a ser a santa ceia.

Para nós evangélicos, a santa ceia é um momento em que relembramos que Jesus Cristo nos amou tanto a ponto de dar sua vida por nós, na santa ceia o pão e o vinho representa o corpo e o sangue de Cristo, respectivamente.

E celebramos santa ceia porque o próprio Jesus disse: “fazei isso em memória de mim” Lucas 22:19, e isto para nós representa a nova aliança entre Deus e o homem (Marcos 14:24). Esta nova aliança foi estabelecida no momento da morte Jesus, ou seja, quando o sangue do Cordeiro foi “derramado em favor de muitos, para remissão de pecados.” Mateus 26:28

Dito estas coisas, fica claro que a santa ceia é um sacramento instituído pelo próprio Jesus que “ordenou” que os crentes participassem, sua finalidade é meramente simbólica, serve para meditarmos no tamanho do sacrifício de Jesus, portanto, não serve para fortificar o crente, não serve para acabar com a prova e nem curar enfermidades.

Não creio que casar-se com alguém que não seja da nossa igreja é um motivo para excluir um fiel da comunhão, porque não se constitui em pecado, e mesmo se fosse pecado, como dito acima, foi pelos pecados de todos os homens e mulheres que Jesus deu sua vida na cruz.

Como você disse, sua irmã não participa da mesa da santa ceia há 17 anos, a santa ceia também é a comunhão dos crentes, por isso digo que é melhor que se consulte o ministério para ser mais bem orientada. Se ela congrega esporadicamente, isto faz ou por necessidade espiritual ou então para participar da comunhão com Jesus Cristo, pois, ela sabe que: “onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, ali estou no meio deles.” Mateus 18:20

Se assentar-se a mesa da comunhão dos santos for o desejo da sua irmã, torço e espero que os irmãos sejam receptivos, para que se cumpra a Palavra de Deus, que diz: “Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo.” Apocalipse 3:20

Quanto ao seu cunhado, fique em paz, no tempo certo, ele pode converter-se a Cristo, e declarar perante a igreja que aceita Jesus como seu salvador, através do batismo, e ele pode se tornar um grande ajudador da sua irmã na caminhada espiritual e material.

Quanto à depressão e a prova da sua irmã, oremos a Deus, ele pode fazer muito além do que pensamos.

Perdoe-me se não dei uma resposta definitiva e conclusiva, mas como disse, acredito que o ministério dará o devido esclarecimento sobre este caso se for consultado.

Fique de olho nos comentários, eles podem acrescentar a esta postagem.

Fique na paz e no amor de Deus!

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, elogie ou critique a postagem, mas se porte como cristão, não use "palavrões" e nem ofenda pessoas ou instituições.

Seguidores

Divulgação